Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de dezembro, 2020

HÁ AMOR NOS JUÍZOS DIVINOS

  Em geral vemos as coisas, as situações e o mundo a partir de perspectivas que adquirimos ao longo da vida. Por isso, um determinado fato pode receber diversas interpretações. Contudo, nem sempre nossos juízos de valor correspondem à realidade, pois as coisas e as situações possuem sentidos próprios e intrínsecos a despeito das opiniões e visões que recebem.  Como entender as pragas permitidas por Deus sobre o Egito? Elas transformaram a maior potência econômica e militar da época num país arrasado. E o que dizer da última praga? Diz o texto: “então, à meia-noite, o SENHOR matou todos os primogênitos do Egito, desde o filho mais velho do faraó, herdeiro do trono, até o filho mais velho do prisioneiro que estava no calabouço, e também todas as primeiras crias do gado” (Êxodo 12.29). Teria Deus prazer no sofrimento humano? Seria Ele mal? No livro do profeta Naum está escrito: “o SENHOR não deixará impune o culpado” (1.3). O mal não prevalecerá nem ficará impune. Aceitar isso significa v

ISRAEL COMO INSTRUMENTO DA REVELAÇÃO DIVINA

  Após o pecado adâmico, a humanidade se separou de Deus e com o passar do tempo não mais o conhecia. Ele, então, separou um povo para com ele relacionar-se e revelar-se ao mundo. Por volta da metade do segundo milênio antes de Cristo, esse povo, Israel, encontrava-se escravo no Egito, maior potência econômica e militar da época. Assim, segundo os registros do livro de Êxodo, Deus apareceu a Moisés e o ordenou que comparecesse perante o Faraó para intermediar a liberação do povo.  Que argumento seria tão forte para que o líder egípcio abrisse mão dessa valiosa mão de obra escrava, os judeus? Deus disse a Moisés que falasse o seguinte ao Faraó: “deixe o meu povo ir para celebrar-me uma festa no deserto”. Depois, Moisés esclareceu que era para permitir o povo caminhar três dias, no deserto, para oferecer sacrifício ao SENHOR. Deve ter parecido ao Faraó um escárnio o que Moisés lhe falara, pois ele respondeu: “quem é o SENHOR, para que eu lhe obedeça e deixe Israel sair? Não conheço o SEN