Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de janeiro, 2019

EU VENCI O MUNDO

Momentos antes de ser traído e preso, Jesus, em conversa com seus discípulos, disse: “neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo” (João 16.33). Era uma palavra de encorajamento a seus seguidores e uma autoavaliação positiva de sua atuação. Mas, em que sentido Jesus quis dizer “eu venci o mundo”, pois logo em seguida seria torturado, noite à dentro, e no dia seguinte seria crucificado e morto? Esse fim condiz com alguém que foi um vencedor no mundo? Jesus sabia do sofrimento que se aproximava, mas sua confiança no Pai, que o ressuscitaria, o levou a declarar sua vitória sobre o mundo. Essa palavra “mundo” é uma ênfase joanina. Ela aparece mais de cem vezes, em sua literatura, com diferentes significados. Aqui, nessa passagem, significa “o sistema humano em oposição aos propósitos divinos” [1]. Sistema esse que se estrutura no pecado, no uso e no abuso do outro como meio de alcançar uma glória que despreza a Deus e o próximo. Jesus renunciou a tudo isso.

OS CAVALEIROS DO APOCALIPSE

A “grande tribulação” (7.14) é um dos muitos eventos futuros previstos na profecia de João. Trata-se de um período da história humana marcado por sofrimento e angústia, sem precedentes. Inicia com a emblemática figura dos quatro cavaleiros do Apocalipse. É claro que não são, exatamente, cavaleiros, mas acontecimentos apresentados de forma estilizada nos moldes da literatura apocalíptica. O objetivo do autor é destacar a relevância do que será revelado e resumir o fim da presente ordem mundial, que se dará em meio à guerra, fome, morte e destruição generalizadas. A grande tribulação começa com a abertura do primeiro selo. O Apóstolo vê um cavaleiro, que empunha um arco e cavalga “como vencedor determinado a vencer” (6.1,2). Alguns estudiosos veem, nessas palavras, o espírito de beligerância que existe entre as nações que, um dia, poderá resultar em uma guerra total, um conflito nuclear de amplas proporções. A abertura dos outros três selos faz surgir os demais cavaleiros, que sã